quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Rescaldo dos "IV Trilhos da Raia" - 19/10/2008

O dia 19/10/2008 era aguardado por todos com grande expectativa e ansiedade, com especial importância tanto para mim como para o HC, por vários motivos.

O primeiro deles era a estreia oficial dos nossos novos equipamentos oferecidos pelo nosso amigo Carlos Fernandes da AXA SegurPinhel; em segundo lugar, era a primeira vez que iríamos participar num percurso longo de 70Km; em terceiro era saber se estaria um óptimo tempo para a prática desta linda modalidade, o que se veio a confirmar; e por último, o regresso a uma terra que nos viu crescer a nível profissional e que nos fez recordar alguns dos bons momentos que passámos durante o nosso tempo de estudantes na Escola Superior de Gestão.

Chegámos cedo a Idanha-a-Nova com receio de possíveis atrasos na entrega dos dorsais, devido á grande afluência nas inscrições, mas logo nos apercebemos que estávamos perante profissionais, com uma Organização bem acima da média, á qual aproveito para dar os parabéns (se quiserem, num espaço de 2/3 anos, a ACIN tem condições para igualar ou superar os Ases do Pedal, tanto em Organização como em número de inscrições, acreditem!!!! Têm tudo para o conseguir, condições, trilhos e vontade de bem organizar!!!).


Bem, á hora estipulada para a saída, lá começamos "Os Cortiços" a pedalar rumo á Barragem Marechal Carmona pelo acesso do Rio Torto, e logo no início já o HC, com a sua VAG, mostrava sintomas de cansaço, eheheh!!!!

Nesta fase foi sempre a rolar até ao Carroqueiro, com médias de 22Km/h, antes da dura e incrédula subida ao alto de Monsanto, feita pela antiquíssima calçada romana, completamente desconhecida para mim. Esta foi a fase menos boa da Maratona, não pela inclinação da subida, mas pela quase impossibilidade de pedalar por aquelas pedras acima, e parece que não fui o único a levar a bike á mão...!!!

Chegados lá ao alto, esperava-nos um grande repasto na 1.ª zona de abastecimento. Aí encontrei o amigo Zé Ricardo dos PápaLéguas de Alcains, sempre bem disposto, num ambiente de amizade e confraternização com os "Cortiços" / AXA SegurPinhel.

Após da descida trialeira e vertiginosa de Monsanto, foi sempre a rolar até ao 2.º posto de abastecimento situado em Idanha-a-Velha, passando primeiro pela Senhora da Azenha, e quase sempre na companhia dos PápaLéguas de Alcains. Aqui a paragem foi curta, pois já estavam percorridos 50Km e os músculos não podiam arrefecer (sujeitos a não conseguirmos andar mais!!!).

Eu e o meu inseparavél amigo HC, lá continuámos para a 3.ª e última fase da prova. O regresso a Idanha-a-Nova feito novamente pela barragem M. Carmona através do seu pontão principal, seguido da última grande subida até á zona da Feira Raiana, que se tornou bastante difícil e dolorosa para mim, devido ás Câmbrias que me atormentaram desde os 58Km.

Mesmo assim, lá conseguimos chegar e completar os 70Km com uma média de 15,64Km/h, sem problemas mecânicos e com tempos de 04h e 52m (muito bom para a 1.ª vez nestas distâncias).

Depois do banhinho tomado, lá fomos nós comer a merecida refeição, composta por Porco no Espeto com Arroz de Feijão, servido pelo amigo, e bastante conhecido por aquelas bandas, Carlos da Esplanada.

Foi uma Maratona que, certamente nos vai ficar na memória, ficando já a aguardar os "V Trilhos da Raia".

A nossa próxima participação vai ser na 4.ª Maratona BTT Festival Bike em Santarém, no dia 08/11/2008.
Mas até lá, terei ainda os habituais e imperdíveis passeios domingueiros da Vertente.

Bons trilhos
DM

2 comentários:

Rolinha disse...

Como fiquei contente em chegarem inteirinhos!!!!!!!!!!!!!
E numa boa classificativa!!!!
Para uma primeira vez 70 Km, está optimo....Parabéns e continuação de boas pedaladas...
Jokinhas

HUGO CANYON disse...

Muito bem amigo DM. Foi inesquecivel pedalar contigo nesta maratona. Muitas outras nos aguardam. Parabens pelo Post e pelas fotos espectaculares...

Um abraço.

HC